home NOTÍCIAS 1.204 views # Trapalhada!

Concurso Público de Capanema se tornou uma grande trapalhada!!

TCM mantem suspensão do concurso e deixa inscritos sem certezas!

A Vários dias que circulam nas mídias sociais a nova decisão do TCM – Tribunal de Contas dos Municípios que negou recurso ao prefeito de Capanema, Eslon Martins, para dar continuidade à realização do concurso público, o que deixou varias pessoas sem definições. Em outras palavras quer dizer que a decisão anterior que suspendia o concurso de Capanema, continua. Ou seja, esta última decisão não é novidade já que o mesmo já encontrava-se suspenso.
E como se não bastasse toda trapalhada da equipe de governo do prefeito Eslon, em relação ao concurso, o site da empresa contratada (IVIN), não informa nada sobre as suspensões e da prosseguimento normal deixando as pessoas ainda mais sem informações. A Prefeitura de Capanema também não se manifesta no sentido de orientar as pessoas; ou seja, este concurso se tornou um grande desrespeito com as pessoas que até o momento não tem orientações das pessoas responsáveis pela realização do mesmo.

COMO FICA O CONCURSO? FOI CANCELADO OU NÃO?
Segundo orientações de um advogado, esta última decisão, além de manter a suspensão bloqueou os recursos das inscrições e que, segundo ele, a empresa não poderá realizar a prova. Na prática, o concurso ainda não foi totalmente cancelado, pois ainda sairá uma decisão final que dará os rumos para questões como as devoluções dos valores pagos pelos inscritos. Tudo indica que será cancelado em definitivo.

Fonte: Portal Capanema

Confira abaixo o texto de Paulo Zildene sobre a decisão do TCM:

TCM mantem decisão de anular concurso público de Capanema

Por Paulo Zildene

Pela segunda vez seguida, o pleno do TCM – Tribunal de Contas dos Municípios nega recurso ao prefeito de Capanema, Eslon Aguiar, PR, para dar continuidade à realização do concurso público, para provimento de cargos em toda esfera do poder municipal.

A decisão que suspendeu o concurso público ocorreu, nesta terça-feira, 06/12 durante uma pauta extra, que teve como relatora, a Conselheira Mara Lucia, que acatou novas informações prestadas pelo prefeito eleito de Capanema, Chico Neto, através de seus advogados.

Os advogados do prefeito entraram com um pedido de revogação de medida cautelar, o que foi negado e ampliado.

Na decisão, a relatora destacou “ratifico a decisão da medida cautelar e amplio os efeitos e determino o bloqueio de conta corrente destinada ao pagamento de inscrições do concurso público, de titularidade da empresa Instituto Vicente Nelson”, destacou a Conselheira Mara Lúcia.

O prefeito eleito, Chico Neto e seus advogados acompanharam a decisão do pleno da Corte de Contas e disse ao Pará Notícias Notícias, com exclusividade, que “essa medida cautelar eu assinei junto ao TCM para suspender o concurso público por ilegalidade em licitação, por não haver estudo de impacto na folha de pagamento e não levaram em conta o número de funcionários temporários”, disse Chico Neto.

1.204 viewsPublicado por: Portal Capanema | em: 07/12/2016
COMENTE:
rgr capanema1
rgr capanema1
previous arrow
next arrow
ANUNCIE NO PORTAL CAPANEMA
ANUNCIE NO PORTAL CAPANEMA
previous arrow
next arrow